» » » Mais quatro pessoas são detidas por pichação em SP

Intervenção em escola da Zona Norte (Foto: Divulgação/Prefeitura)


Quatro homens foram detidos por pichar um prédio comercial na República, no Centro de São Paulo. Segundo nota divulgada pela Prefeitura, os pichadores escalaram o edifício e parte do grupo invadiu uma sala no 4º andar do local. O zelador percebeu a movimentação e acionou a Polícia Militar que efetuou o flagrante.

No sábado (4), dois homens foram detidos por pichar o muro de uma escola na Vila Nova Cachoeirinha, na Zona Norte. Os detidos foram encaminhados ao 72º Distrito Policial para registro da ocorrência.
 
 
A escola pichada é a municipal Osvaldo Quirino Simões. Desde 1º de janeiro, a Guarda Civil Metropolitana encaminhou 50 pichadores às delegacias por vandalismo. 

"A Prefeitura de São Paulo vai continuar os esforços para o combate à pichação, um crime ambiental que danifica o patrimônio da cidade, inclusive edifícios e monumentos tombados e com valor histórico. As pessoas que forem flagradas cometendo este tipo de delito serão processadas para ressarcimento. Também é articulado com a Câmara um projeto para aumentar a punição aos pichadores", diz nota da administração municipal. 

Apesar de ter determinado a pintura de cinza de grafites na capital paulista, a gestão do prefeito João Doria diz que "grafite e pichação receberão tratamentos diferenciados".
 
 
Fonte: Portal G1
 
 
 

Sobre Nós

A Associação Fonte de Água Viva trabalha na construção de um mundo melhor. Através dos meios de comunicação levamos o amor a paz até os corações nos quatro cantos do Brasil e do mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe Seu Comentário

Deixe seu comentário, lembrando que este deverá ser aprovado para ser publicado no site.
Não serão aceitos comentários com spam, propagandas, palavrões e etc.

Anti Drogas

Vídeo Previsão do Tempo

Recados

Agenda: Shows e Eventos

Curta Nossa Página