João Isidoro Pereira, Zé do Rancho - Guapiaçu, SP.
Sebastião Gomes, Zé do Pinho - Ariranha, SP.

Cantores. Dupla sertaneja. Compositor (Zé do Rancho). Antes de cantar com Zé do Pinho, Zé do Rancho formara anteriormente duas duplas, Zé do Rancho e Serrinha e Zé do Rancho e Mariazinha. 


Com Mariazinha fez bastante sucesso com "Abra a porta, Mariquinha", de Zé Batuta e Quintino Elizeu. 

A partir de 1954, participou como instrumentista executando violão e viola, em gravações de artistas como Tonico e Tinoco e Léo Canhoto e Robertinho, entre outros. Gravou diversos discos instrumentais. Durante dez anos produziu pela RCA diversos artistas sertanejos. 

Em 1975, Zé do Rancho e Zé do Pinho formaram a dupla que gravou um total de seis discos. Ainda nos anos 1970 lançaram o primeiro disco, obtendo sucesso com "No colo da noite", de Lindomar Castilho e Ronaldo Adriano. Dois anos depois, obtiveram sucesso com "Devolva a passagem", de Ronaldo Adriano e Zé do Rancho e "Meu sítio, meu paraíso", de Zé do Rancho e que deu título ao disco. A composição "Devolva a passagem", seria ainda gravada por Chitãozinho e Xororó, sendo que este último é genro de Zé do Rancho. Em 1978, gravaram a clássica "Bom Jesus de Pirapora", de Serrinha e Ado Benatti. 

No ano seguinte, gravaram mais um disco, trazendo como destaque composições que haviam sido sucesso com a dupla Serrinha e Zé do Rancho, entre as quais, "Eu sigo o caminho dela", de Zé do Rancho e Boi do Rock, "Morena bonita", de Zé do Rancho e Sergio Tagliari e "Manhã do nosso adeus", de Zé do Rancho e Dino Franco. Fizeram sucesso também com "Gangorra", de Goiá Jr. e Zacarias Mourão e "Canoeiro apaixonado", de Serrinha e Zé do Rancho. 

A dupla se desfez em 1980, logo após do lançamento de seu sexto LP.

Nos anos 90 a dupla voltou com o CD que reunia seus grandes sucessos em novas gravações.  

Informações não oficiais dizem que Zé do Pinho decidiu abandonar a carreira artística para tornar-se pastor evangélico. 



 

Zé do Rancho faleceu em 15/02/2015 aos 87 anos. Zé do Rancho convivia com o Chagas e, contrariando todas as expectativas médicas, que diziam que sua vida seria curta, viveu mais 40 anos desde que descobriu a doença

Maiores Sucessos



Canoeiro apaixonado (Zé do Rancho e Serrinha) • Devolva a passagem (Ronaldo Adriano e Zé do Rancho) • Eu sigo o caminho (Zé do Rancho e Boi do Rock) • Manhã do nosso adeus (Zé do Rancho e Dino Franco) • Meu pai e minha mãe (Zé do Rancho) • Meu recanto (Zé do Rancho) • Meu sítio, meu paraíso (Zé do Rancho) • Morena bonita (Zé do Rancho e Sergio Tagliari) • Não há coração que agüente (Zé do Rancho e Ricieri Faccioli) • Velho carro (Zé do Rancho)
 

Discografia


Zé do Rancho e Zé do Pinho (1975) RCA LP
• Zé do Rancho e Zé do Pinho (1976) RCA LP
• Meu sítio, meu paraíso (1977) RCA LP
• Gangorra (1978) RCA LP
• Zé do Rancho (1978) Camden LP
• Zé do Rancho e Zé do Pinho (1979) RCA LP
• Zé do Rancho e Zé do Pinho (1980) RCA LP  



Fonte: www.revivendomusicas.com.br



Sobre Nós

A Associação Fonte de Água Viva trabalha na construção de um mundo melhor. Através dos meios de comunicação levamos o amor a paz até os corações nos quatro cantos do Brasil e do mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe Seu Comentário

Deixe seu comentário, lembrando que este deverá ser aprovado para ser publicado no site.
Não serão aceitos comentários com spam, propagandas, palavrões e etc.

Anti Drogas

Vídeo Previsão do Tempo

Recados

Agenda: Shows e Eventos

Curta Nossa Página