» » » Descubra 10 motivos para adotar um cãozinho abandonado


 Antes de pensar em comprar um cachorrinho para chamar de seu, experimente parar, ler as próximas linhas e refletir um pouco. Talvez você nunca tenha se dado conta da gravidade da situação, mas certamente já notou a enorme quantidade de animais abandonados que circulam pelas ruas das cidades sozinhos, sujos e vulneráveis ao mais diversos tipos de doenças, acidentes e maldades.

Sejam perdidos, fruto de outros bichos que moram nas ruas ou desprezados por seus antigos donos, esses bichinhos já somam hoje mais de 30 milhões - segundo a Organização Mundial da Saúde, são cerca de 10 milhões de gatos e 20 milhões de cachorros. Com o tempo, eles acabam aprendendo a se virar por aí (quando não perdem a vida antes disso), mas jamais perdem a esperança de encontrar um lar e uma família para chamar de sua.

Afinal, você já pensou em mudar a vida de um cãozinho abandonado? Confira 10 motivos para adotar um mascote e ter um novo companheiro para chamar de seu.

1º Motivo

Ainda que inúmeras ONGs, abrigos e sociedades protetoras trabalhem intensamente para conscientizar as pessoas acerca dos males sociais e emocionais que o abandono de animais provoca, números de novos bichinhos deixados nas ruas não para de crescer - principalmente no período de férias, quando as famílias não têm com quem deixar seus bichos de estimação. Ao adotar um cãozinho deixado para trás por alguém, você estará ajudando a diminuir esse grave problema na sociedade.

 2º Motivo
Já pensou em levar um cãozinho abandonado para casa? Conheça 10 motivos para mudar a vida de um bichinho para melhor e ainda conseguir um mascote fiel para o resto da vida - 1 (© Shutterstock)
Certamente você já percebeu a absoluta fidelidade que os cãezinhos resgatados das ruas têm com seus donos. A lealdade é uma característica nata dos cachorros, aliás. Porém, nos cães adotados, ela é ainda mais intensa. Por mais que não demonstrem a gratidão à nossa maneira, os bichos amparados são extremamente gratos a seus novos donos e são capazes de tudo para agradá-los - brincadeiras, lambidas, amor e até mesmo arriscando a própria vida.

3º Motivo

 Filhotes de raça são caros e exigem outros gastos consideráveis com vacinas, medicamentos e consultas frequentes ao veterinário nos primeiros meses. Ao adotar um cãozinho de abrigo, não será preciso abrir a carteira (são poucas as ONGs que cobram alguma taxa de adoção e, mesmo assim, os valores são baixos e usados para comprar ração). Na maioria dos casos eles já são adultos, vêm vacinados e até mesmo castrados.

4º Motivo

É triste tratar vidas como mercadorias. E é, basicamente, isso, que alguns canis fazem. Muitos deles rejeitam alguns filhotinhos recém-nascidos em prol de manter o padrão da raça.

5º Motivo

Você já parou para pensar na importância que terá na vida do cachorrinho a partir do momento em que tirá-lo do abrigo de animais? Um cão traumatizado e medroso pode se tornar brincalhão e divertido, enquanto um cachorro agressivo e estressado pode ficar mais calmo. E tudo isso irá depender de você e da quantidade de amor que está disposto a fornecer ao novo mascote. Afinal, existe sensação melhor que ter mudado a vida de alguém?

6º Motivo

Apesar de serem fofinhos e divertidos, os filhotes nem sempre agradam a todos. Seja por falta de tempo, paciência ou demanda de trabalho, não são poucas as pessoas que preferem cães mais maduros. Ao adotar, você pode, simplesmente, pular a fase de filhote e escolher um cão mais velho com comportamento mais estável.

Já pensou em levar um cãozinho abandonado para casa? Conheça 10 motivos para mudar a vida de um bichinho para melhor e ainda conseguir um mascote fiel para o resto da vida - 1 (© Shutterstock)7º Motivo

A maioria dos cães que vivem em abrigos são vira latas e, consequentemente, mais resistentes do que as outras raças a várias doenças. Mas isso acontece não apenas por uma questão genética: como vieram das ruas, esses cachorros acabam passando por uma seleção natural efetiva - uma vez que sobreviveram a inúmeras adversidades e imprevistos no cenário urbano.

8º Motivo

Muitos cachorros das instituições protetoras já tiveram um dono (que o abandonou por algum motivo) e, por isso, já foram treinados sobre onde não fazer xixi, quando não latir, entre outras atividades. Já aqueles que sempre viveram nas ruas são, naturalmente, mais espertos. Por isso, cães adotados geralmente aprendem truques e lições com maior facilidade e em menos tempo que os demais.

9º Motivo

Não são poucos os cachorros que necessitam de um lar. Por esse motivo, as ONGs costumam estar sempre lotadas de cãezinhos afoitos por uma nova casa. Ao adotar um bichinho, você estará abrindo uma vaga para outro animal que precisa de ajuda.

10º Motivo

Devido à superlotação dos locais que abrigam animais perdidos e abandonados, não são poucas as chances dos cachorros que estão à espera da adoção serem eutanasiados se não conseguirem uma nova casa. Várias instituições utilizam esse método por questões práticas e econômicas. Ao adotar um cão, você estará, literalmente, salvando a vida dele - e ele nunca se esquecerá desse gesto.



Fonte: http://estilo.br.msn.com


 

Sobre Nós

A Associação Fonte de Água Viva trabalha na construção de um mundo melhor. Através dos meios de comunicação levamos o amor a paz até os corações nos quatro cantos do Brasil e do mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe Seu Comentário

Deixe seu comentário, lembrando que este deverá ser aprovado para ser publicado no site.
Não serão aceitos comentários com spam, propagandas, palavrões e etc.

Anti Drogas

Vídeo Previsão do Tempo

Recados

Agenda: Shows e Eventos

Curta Nossa Página