» » Nono dígito no interior de SP vai permitir até 720 milhões de celulares

A implementação do nono dígito no interior de São Paulo, que começa a partir deste domingo (25), vai aumentar em quase duas vezes e meia a capacidade de habilitação de linhas de telefonia celular na região, informou nesta quinta-feira (22) a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Pelo cronograma da agência, a partir de domingo as chamadas para celulares do interior paulista, que operam nos códigos DDD 12, 13, 14, 15, 16, 17, 18 e 19, precisam acrescentar o 9 antes do número atual.

Até o dia 3 de setembro, chamadas feitas com 8 ou 9 dígitos continuarão a ser completadas. A partir do dia 4 de setembro, as operadoras não são mais obrigadas a completar ligações sem o nono dígito, mas uma mensagem vai informar aos clientes sobre a necessidade dele. A partir de 3 de dezembro, essa mensagem também deixa de ser obrigatória.

De acordo com a agência, os oito dígitos permitem hoje o registro de um total de 296 milhões de linhas de celular (37 milhões para cada um dos 8 DDDs). Com o nono dígito, essa capacidade sobe para 720 milhões (90 milhões por DDD). Atualmente, estão ativos cerca de 30 milhões de celulares entre os códigos 12 e 19.

O custo para a implantação do nono dígito no interior de São Paulo, incluindo campanha para informar a população, é de R$ 98 milhões e vai ser pago pelas operadoras de telefonia.


Cronograma do nono dígito
A Anatel começou a implementar o nono dígito para celulares em julho de 2012, na área de código DDD 11, que inclui a cidade de São Paulo. Essa medida foi motivada pelo crescimento da base de assinantes do serviço.

Para efeito de padronização, porém, a agência decidiu por implantar o nono dígito no restante do país. O cronograma prevê a exigência no interior de São Paulo a partir deste domingo. No Rio de Janeiro e Espírito Santo, a obrigação vale a partir de 27 de outubro.

Até 31 de dezembro de 2014, o nono dígito começa a valer para nos estados do Amazonas, Roraima, Pará, Amapá e Maranhão. Até 31 de dezembro de 2015, a regra atinge também Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia e Minas Gerais.

Por fim, até 31 de dezembro de 2016, o nono dígito começa a ser obrigatório no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Rondônia, Acre, Goiás, Tocantins e no Distrito Federal.


Fonte: Portal G1

Sobre Nós

A Associação Fonte de Água Viva trabalha na construção de um mundo melhor. Através dos meios de comunicação levamos o amor a paz até os corações nos quatro cantos do Brasil e do mundo.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe Seu Comentário

Deixe seu comentário, lembrando que este deverá ser aprovado para ser publicado no site.
Não serão aceitos comentários com spam, propagandas, palavrões e etc.

Anti Drogas

Vídeo Previsão do Tempo

Recados

Agenda: Shows e Eventos

Curta Nossa Página